Teus olhos contas escuras, são duas Avé Marias, dum rosário d’amarguras, que eu rezo todos os dias. - Fernando Pessoa

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Todos no Coliseu (21) Grândola Vila Morena

(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)

Termina aqui esta retrospectiva sobre o álbum duplo de homenagem ao José Afonso, feita por alguns grupos e intérpretes portugueses.

Obrigado Zeca !!!

Músicas do CD Duplo “Os Filhos da Madrugada” editado em 27 de Abril de 1994, onde o Grande José Afonso, foi homenageado pelos artistas das principais bandas portuguesas. É também a minha homenagem a esta figura IMPORTANTÍSSIMA na vida musical portuguesa e no respeito que demonstrava e defendia pela liberdade de todos os cidadãos.

José Manuel Cerqueira Afonso dos Santos (Aveiro, 02-08-1929 – Setúbal, 23-02-1987)


Desenho meu, feito a lápis de carvão, no ano de 1988, após a morte do Artista
  

16 comentários:

  1. Ficará para sempre associada a um novo período na nossa História.
    Aquele abraço, bfds

    ResponderEliminar
  2. Que bom ouvir e recordar...
    Abraço e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Recordar este cantar maravilhoso!
      Obrigado e abraço, Elvira

      Eliminar
  3. muito humanismo nessas canções sobre a liberdade :)
    continuação de feliz ano 2019, Ricardo,

    Angela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As canções do folclore português são muitas vezes recheadas de letras e músicas muito boas, como é o caso Ângela !
      Obrigado e abraço

      Eliminar
  4. Não quer dizer que tenha sido a melhor do Zeca Afonso, mas será certamenete aquela que jamais será esquecida !
    Esta e ele, também por isso, ficaram na História !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ficará para a eternidade da nossa música portuguesa!
      Obrigado Rui e Abraço

      Eliminar

  5. Fraternidade rima com Liberdade!
    Que bela maneira de encerrares a rubrica de homenagem a Zeca Afonso.

    Beijinho "Grândolo"
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A música "Grândola, Vila Morena" termina este duplo álbum de homenagem a Zeca Afonso. Não nos podemos esquecer dele, pelo significado que tem como verdadeiro democrata e homem que respeitava a Liberdade!!!
      Obrigado Clara

      Eliminar
  6. Uma homenagem justa e que ficou muito bem aqui!
    Foi bom recordar e assim não esquecemos , nunca!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Zeca não se pode NUNCA esquecer. É alguém que importa lembrar, ele é um símbolo da Liberdade !
      Obrigado Manuela

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha língua, o Português, língua de Camões, de Pessoa e de Saramago.