Dá a surpresa de ser

Dá a surpresa de ser É alta, de um louro escuro. Faz bem só pensar em ver Seu corpo meio maduro.

Seus seios altos parecem (Se ela estivesse deitada) Dois montinhos que amanhecem Sem ter que haver madrugada.

E a mão do seu braço branco Assenta em palmo espalhado Sobre a saliência do flanco Do seu relevo tapado.

Apetece como um barco. Tem qualquer coisa de gomo. Meu Deus, quando é que eu embarco? Ó fome, quando é que eu como?

10-9-1930 - Poesias. Fernando Pessoa. (Nota explicativa de João Gaspar Simões e Luiz de Montalvor.) Lisboa: Ática, 1942 (15ª ed. 1995) - 123.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Woodstock (2) – Canned Heat

Por aqui pelo “Pacto”, durante algum tempo, as músicas que encantaram, ou não, a juventude nascida nos finais dos anos 40 e na década de 50, durante o grandioso “Festival de Woodstock”, realizado nos Estados Unidos, na fazenda de Max Yasgur, cidade de Bethel, estado de New York, entre 15 e 18 de Agosto de 1969.
Encontraremos grupos e composições que muitos de nós reconhecerão como agradáveis e de imediato, e outras nem tanto assim, como algumas de género Rock Psicadélico, Hard Rock, Blues Rock, Acid Rock, Blues, R&B (Rhythm and Blues). O exemplo mais flagrante deste conjunto de géneros, será o guitarrista Jimi Hendrix, considerado por muitos, um dos melhores do Mundo e de sempre.
Este Festival foi, principalmente, um levantar de questões à sociedade, à liberdade de expressão e à guerra entre os povos. Isto tudo, tendo como base os problemas da sociedade americana da altura e as suas condições sociais, e ainda, a famigerada guerra do Vietnam que deixou marcas indeléveis nos EUA.
Tal como o Vietnam, as guerras são meramente negócio para alguns, não trazem absolutamente nada de benéfico para a humanidade. Isso todos os portugueses puderam comprovar, cronologicamente antes, com a guerra das Colónias, guerra em África ou guerra do Ultramar, consoante o quadrante politico de cada um de nós.

Hoje ouviremos, já aqui embaixo:

Canned Heat - Going Up the Country



Canned Heat - Woodstock Boogie

18 comentários:

  1. Um Festival entre a mensagem política e o uso e abuso das drogas.
    O Jimmi Hendrix foi uma das muitas vítimas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim o festival foi marcado pelo que dizes, Vietnam e drogas e ainda "free love". Estávamos na época dos "hippies" que se tinha iniciado no início dos 60.
      Não foi só Jimmy Hendrix uma das vítimas presnete em Woodstock, irá aparecer também a branca de voz negra, a excelente intérprete Janis Joplin !
      Aqui faz-se referência ao Festival de Woodstock
      https://en.wikipedia.org/wiki/Hippie
      Obrigado Teresa

      Eliminar
    2. JANIS JOPLIN é a minha favorita absoluta.

      Na última sexta-feira, ARTE apresentou um filme documentário sobre a Little Girl Blue.

      Eliminar
    3. Janis Joplin sim uma Grande do "Rock" e da "Soul" !
      Obrigado Teresa

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Eu conheço mas nim. Não gosto nem desgosto ! :)
      Obrigado Catarina

      Eliminar
  3. Down memory lane.
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderEliminar
  4. Pertenço a esta geração e conheço as músicas.
    Uma altura em que a méxima era "Peace and love"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exacto Manuela, estávamos na época dos famosos "hippies", "Peace and
      Love"
      https://en.wikipedia.org/wiki/Hippie aqui faz-se referência ao Festival de Woodstock !
      Obrigado Manuela

      Eliminar
  5. Um som que passou ao lado da minha juventude e nem eu sei o por quê!!!
    Bj e obrigada por me dar a conhecer!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Festival de Woodstock não foi muito divulgado por questões óbvias. Salazar "abdicara" para Marcelo Caetano em 68 e ainda estávamos debaixo do jugo fascista que nem de longe, nem de perto lhe interessava falar sobre o Vietnam, pois tínhamos já o "nosso", com a guerra colonial ! Estávamos no final do regime que iria durar ainda 5 anos, até ao 25 de Abril de 1974. Embora Marcelo Caetano tivesse abrandado a ditadura, tudo se mantinha mais ou menos na mesma com a PIDE/DGS a controlar tudo o que fosse manifestações populares e quejandos. Os Festivais de Rock para quem não sabe, nunca foram permitidos por Salazar, por motivos óbvios !
      Obrigado Gracinha

      Eliminar

    2. Pois... tudo o que motivasse ajuntamentos de pessoas... era considerado perigoso e subversivo. :)

      Eliminar
    3. Exactamente Afrodite !...

      Eliminar
  6. É incrível o impacto que teve um festival com tão pouca duração!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu devias ser miúda, digo eu, mas teve um impacto enorme. Muito dele, não só, pelo carácter político, empolado pela oposição ao regime salazarista, na altura já com Marcelo Caetano como chefe do governo, mas também pelos grupos de "Rock". Os Santana tinham acabado de nascer e eles foram um dos principais protagonistas neste festival, com a excelente música "Soul Sacrifice" que aqui passará a seu tempo.
      Obrigado M.

      Eliminar

  7. É muito provável que já as tenha escutado, o som não me é estranho. Aliás o segundo tema até me faz lembrar um pouco os Doors.

    Beijinhos com muito Love and Peace
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim os "Canned Heat" tinham algo de "Doors" !
      Obrigado Afrodite

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha língua, o Português, língua de Camões, de Pessoa e de Saramago. Respeito pelo Português (Brasil), mas em desrespeito total pelo Acordo Ortográfico de 90 !!!