Dá a surpresa de ser

Dá a surpresa de ser É alta, de um louro escuro. Faz bem só pensar em ver Seu corpo meio maduro.

Seus seios altos parecem (Se ela estivesse deitada) Dois montinhos que amanhecem Sem ter que haver madrugada.

E a mão do seu braço branco Assenta em palmo espalhado Sobre a saliência do flanco Do seu relevo tapado.

Apetece como um barco. Tem qualquer coisa de gomo. Meu Deus, quando é que eu embarco? Ó fome, quando é que eu como?

10-9-1930 - Poesias. Fernando Pessoa. (Nota explicativa de João Gaspar Simões e Luiz de Montalvor.) Lisboa: Ática, 1942 (15ª ed. 1995) - 123.

sexta-feira, 6 de agosto de 2021

Dança (27) Corridinho

A Dança é uma das três principais artes cénicas da antiguidade, ao lado do Teatro e da Música (in wikipédia). No Priberam esta é a sua definição gramatical e não só, e na Porto Editora esta é a sua definição gramatical e não só. Achei um tema interessante e decidi trazer aqui as muitas formas de dança, origens, com a ajuda da Wikipédia e do Youtube.

Muitas danças nasceram em África, paraíso dos ritmos e batuques, quando os instrumentos eram rudimentares. Com a escravatura, elas foram levadas para outros continentes e países, nomeadamente, o Brasil, e para outros países latino-americanos. Irão aparecer algumas muito idênticas, embora todas existam na realidade. O que aconteceu, simplesmente, foi a criação de coreografias diferentes, consoante a interpretação dada pelos povos que as cultivaram ou cultivam.

Corridinho – É bailado com os pares sempre agarrados, formando uma roda, as mulheres por fora e os rapazes por dentro …………….. Mais informação aqui !

Corridinho do Algarve

Rancho Folclórico Portugal Canta e Dança - Corridinho

8 comentários:

  1. O meu pai e as minhas tias dançavam no rancho foclórico.
    Eu é mais bolos.
    Abraço, bfds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma maneira salutar das pessoas conviverem.
      Eu nem bolos :))!
      Abraço e Pedro, obrigado

      Eliminar
  2. Já soube dançar o corridinho, agora estou enferrujada. :):)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aplicas um anti-ferrugem e depois óleo e voltas ao corridinho :))
      Manuela obrigado e um dia Feliz !

      Eliminar

  3. Adoro o corridinho!
    Houve uma fase da minha vida em que eu sonhava pertencer a um grupo folclórico.
    Mas infelizmente nunca se proporcionou.
    Tal como disseste ao Pedro, é de facto uma forma salutar de convívio e eu diria ainda mais, convívio entre gerações e uma forma de enraizamento cultural, já que por esse mundo fora as comunidades portuguesas tentam conviver e preservar a sua herança cultural através das danças folclóricas (como aliás é disso exemplo o segundo vídeo que aqui colocaste).

    Gostei muito!
    Beijinhos corridinhos
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também gosto bastante do corridinho, embora não seja grande fã de folclore. Existe uma grande importância no desenvolvimento e na manutenção de todas estas actividades recreativas e tradicionais de Portugal.
      Clara obrigado

      Eliminar
  4. Aqui em Braga, no mês de Agosto, costuma haver ao fim de semana danças folclóricas, por vezes com grupos de outras localidades do país.
    Com as pandemias, como sabes, não há nada.
    Esperemos que 2022 regressem.
    Gostei de ver.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sei que o País festejava nas suas feiras e romarias, com folclore e outras actividades. Esperemos que voltem sim, são muito boas para todos a todos os níveis.
      Maria obrigado

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha língua, o Português, língua de Camões, de Pessoa e de Saramago. Respeito pelo Português (Brasil), mas em desrespeito total pelo Acordo Ortográfico de 90 !!!