A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

quarta-feira, 2 de abril de 2014

Sara Lazarus – Jazz Singers (XXI)

(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)

Sara Lazarus (Wilmington, Delaware, EUA, 01-04-19?? – 20xx) – É uma cantora de jazz norte-americana, que actua, predominantemente, em França. Sara Lazarus nasceu em Wilmington, Delaware, que também é a cidade natal de Clifford Brown. Começou a sua carreira no teatro musical, e aprendeu a cantar “standards” logo no início, em pequena. Aos 8 anos de idade, começou a ter aulas de piano. Aprendeu saxofone tenor e tocou numa orquestra durante a escola primária. Aos 16 anos, tornou-se membro da “American Youth Jazz Band”, como saxofonista tenor e cantora. Foi com esse grupo que ela completou a sua primeira digressão europeia, a qual terminou em 1980, no “Montreux Jazz Festival”.
Iniciou os seus estudos universitários em Literatura Inglesa, na Universidade de Harvard e tocou na orquestra da universidade.
Illinois Jacquet (saxofone), conheceu-a, quando ela era estudante, e encorajou-a a desenvolver a sua voz, através da sua realização profissional, como cantora. A “Down Beat”, uma das principais revistas americanas sobre jazz, apelidou-a de "a melhor solista de jazz a nível universitário."
Após ter terminado os seus estudos, Sara Lazarus passou a residir em França e participou numa série de festivais de jazz europeus, tais como: “Jazz in Marciac”; “Crest Jazz Vocal”; o festival de “Montlouis-Sur-Loire”; “Braga Jazz”; e a “JVC Jazz Festival Paris”. Trabalhou com músicos como Alain Jean-Marie (piano), Jacky Terrasson (piano), Manuel Rocheman (piano), Franck Amsallem (piano), Dominique Lemerle (contrabaixo), Riccardo Del Fra (contrabaixo), Gilles Naturel (contrabaixo), Steve Williams (bateria) e Andrea Michelutti (bateria).
Em 1994, ela ganhou o primeiro prémio no “Festival Internacional Thelonious Monk”, de cujo júri incluía, Jon Hendricks (cantor), Shirley Horn (piano e cantora), Cleo Laine (cantora), Abbey Lincoln (cantora), Dianne Reeves (cantora) e Jimmy Scott (cantor). Na cerimónia de entrega dos prémios, Sara teve a oportunidade de participar numa “jam session” com Herbie Hancock (piano), Ron Carter (contrabaixo), Grady Tate (bateria), Kenny Burrell (guitarra), Jimmy Heath (saxofone) e Clark Terry (trompete).
Em Novembro de 2000 ela participou num projecto de Patrice Caratini (maestro e contrabaixo) e seu “Jazz Ensemble”, que incidiu sobre a música de Cole Porter e, especificamente, para o seu álbum “Anything Goes”.
Em Março de 2005, o seu segundo álbum "Give Me The Simple Life" com Bireli Lagrene (guitarra e contrabaixo), foi editado e popularizou-se após uma digressão em França e em todo o continente europeu, nomeadamente, participando em vários festivais de jazz.
Sara Lazarus é dito ter uma voz "sóbria e delicada", conhecida pela sua espontaneidade, a sua ternura e sentido de comunicação.

Taking A Chance On Love


Myra, na “Thelonious Monk Vocalist Competition”, Sara Lazarus venceu, conjuntamente, com o saxofonista Anton Schwartz juntando à “Harvard Sunday Jazz Band”, tocando e cantando “Myra" de Benny Carter. Gravado ao vivo no “Sanders Theater”, Cambridge, Massachussets, EUA, 6 de Abril de 2002.


September Song


Gypsy In My Soul, com os “Bireli Lagrene Gypsy Project”, com Birelli Lagrene (guitarra).

4 comentários:

  1. Completa novidade para mim
    Aquele abraço!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Precisamente o meu intuito e lema, "Dar a conhecer !".
      Obrigado e um abraço, Pedro

      Eliminar
  2. Também não conhecia e gostei muito! Só não percebi se Sarah morreu, porque desde 2005 ou coisa nunca mais se ouviu falar dela. O que no mínimo é estranho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Teresa tens toda a razão desde 2005 que não tenho ouvido falar dela. Procurei em notícias na Internet nalguns sítios de Jazz. A rádio Smooth FM uma boa rádio de Jazz cantado em Portugal, http://smoothfm.iol.pt/? costuma passar muitas cantoras e cantores e de quando em vez, aparece a Sara Lazarus.
      Obrigado pela visita !

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.