Teus olhos contas escuras, são duas Avé Marias, dum rosário d’amarguras, que eu rezo todos os dias. - Fernando Pessoa

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

O Livrinho Vermelho do Galo de Barcelos (25, 26, 27 e 28)

O Livrinho Vermelho do Galo de Barcelos / Ex-citações de Mau de Zé y Chunga:
2ª. edição. Colaboração dos Anarkas (e não só...) deste País;
Fotos de: José Teixeira, Avelãs Coelho, Lourenço Pereira e José Teixeira;
Capa de: Acácio Campos.

Digitalizações gentilmente cedidas pela Afrodite a quem agradecemos, porque sem esta informação cedida teria sido impossível a existência desta rúbrica que hoje termina !



Notas introdutórias:



Hoje:





10 comentários:


  1. E deixaste um leque das melhores frases para o final.
    (felizmente tenho todas as vacinas em dia...) 😃
    Terminou em grande esta rubrica.

    Beijinhos e bom início de semana
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois foi pela ordem das fotos que me enviaste que fui publicando.
      Queria agradecer-te a tua "pachorra" em digitalizares o livro para que eu o pudesse exibir aqui, aos poucos.
      Obrigado Clara

      Eliminar
  2. Cantava da gaivota.
    Com a variação nunca mais parava :)))
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderEliminar
  3. Também me lembro de cantar a gaivota! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas não cantavas com essa letra certamente ! :)
      Obrigado Catarina

      Eliminar
  4. Não me lembro de nada‼ Conheci o Livrinho Vermelho do Galo de Barcelos 🐓 AQUI.

    Se Josef Stalin fosse preto, talvez não mandasse matar tanta gente‼‼

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ganhaste conhecimento aqui no blogue do "Pacto" e ainda bem ! :)
      Obrigado Teresa

      Eliminar
  5. :-)) Como ela... somos livres... somos livres... de nos vacinar!... :-D
    Que livrinho espectacular... que eu desconhecia!
    Todos ao Rossio!!! Fazer o quê? Sentirmo-nos estrangeiros na nossa próxima terra... é o que eu sinto, quando apanho o Metro por lá agora... isto é... quando consigo caber nele...
    Mais uma fantástica partilha! Grata a ambos!
    Beijos e abraços!
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um livro polémico, às vezes exagerado, inconveniente e até obsceno, mas sempre com muita piada. Pela etiqueta, podes consultá-lo na íntegra !
      Obrigado Ana

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha língua, o Português, língua de Camões, de Pessoa e de Saramago.