A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Inesquecíveis (V)

(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos) e (http://memoriaglobo.globo.com/ da TV Globo)

Novela:          O Astro                     
Ano:               1977
Tema:             Saco de Feijão        
Intérprete/s:   Beth Carvalho (05-05-1946)                               
Autor/es:        Dedezinho de Patos



Novela:          Vereda Tropical                              
Ano:               1984  
Tema:             Fullgás         
Intérprete/s:   Marina (17-09-1955)                                 
Autor/es:        Ântonio Cícero / Marina Lima


25 comentários:


  1. Inesquecíveis ou não... soube bem ouvir de novo,

    Beijinhos com "samba no pé"
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei dessa dos beijinhos com "samba no pé" ! :)

      Obrigado Afrodite

      Eliminar

    2. Pois... se fiquei a dançar com a música encasquetada na cabeça!...
      ♫♪ «Meu Deus para quê tanto dinheiro...
      Dinheiro só pra gastar...
      Que saudade tenho do tempo de outrora...» ♫♪

      O menino dança?
      (^^)

      Eliminar
    3. Eu dançar danço, mas tropeço um bocado ! :)))

      Eliminar
  2. Respostas
    1. É um trabalho simples sem pretensões, mas faço-o com muito prazer para vos relembrar algumas músicas bem agradáveis de ouvir !

      Obrigado Luís

      Eliminar
  3. O tempo em que eu via novelas e gostava! Da música gosta-se sempre!

    Beijinhos, Ricardo. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactamente Maria. Nesse tempo também via novelas, eram novidade e havia muita qualidade. Excelentes actores, argumento interessante, quando não extraído de um romance conhecidi, como o caso da Gabriela. A música, de grandes cantores da MPB, sobressaía... muito !!!

      Obrigado

      Eliminar
  4. O Astro passou cá em Portugal em 1979. Estava em trabalho de parto da minha filha mais nova e a parteira louca para ir ver o episódio... e queria que eu fosse com ela... Nunca vou esquecer.

    As músicas da novelas brasileiras eram sempre muito boas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que história mirabolante Graça e também inesquecível !!!
      Eu tive uma colega que ficou na fronteira Portugal-Espanha cerca de 1 hora, para a passar, porque os guardas estavam a ver o último episódio da Gabriela !!!

      Obrigado Graça

      Eliminar
  5. Quando é que chega a vez da minha música favorita, Ricardo??
    Aquele abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro, não sei qual é a tua música favorita :)... Penso que irá chegar, mas escusa de meter "cunha" !!! :)))
      Tenho estado a saltear pelas 6 novelas que escolhi, as mais emblemáticas, talvez !
      Não vou colocar toda a discografia delas, mas ainda falta muita música... por isso a tua vai chegar certamente !

      Um Abraço

      Eliminar
    2. Eu já tinha revelado, Ricardo - De volta para o meu aconchego, Elba Ramalho.
      Fascinação, de Elis Regina, também pode ser.
      Agora é tipo discos pedidos :))
      Aquele abraço

      Eliminar
  6. Bom recordar os ritmos.
    Gostei mais da última.
    Que trabalho de pesquisa, Ricardo!
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A última por sinal é menos conhecida, menos tradicional, mas é bastante boa.
      Isabel eu gosto de fazer este tipo de trabalhos, no meu Blogue, dá.me imenso gozo.

      Obrigado

      Eliminar
  7. Bom ouvir, bom recordar!
    A segunda já tinha esquecido , mas a primeira fez com que ficasse aqui a abanar. Boas vozes, bons ritmos e novelas que marcaram.
    Excelente escolha Ricardo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As escolhas vão estar cá todas. Chegará a vez das mais carismáticas destas seis novelas que escolhi para "fabricar" os "Inesquecíveis". Vai dar mesmo para recordar com amor estas pérolas da Pop/MPB brasileira !

      Obrigado Manuela

      Eliminar
  8. Recordo mais O Astro. E gostei de ouvir a música, bem alegre.
    Do segundo tema e respetiva novela não me lembro tanto. Coincide com o meu período de universitária e devia ter bem mais do que novelas para me ocupar. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim a composição referente ao "Astro" é muito mais alegre e relativamente conhecida !

      Obrigado Luísa

      Eliminar
  9. Do primeiro tema não só me lembro como a canto muitas vezes, nem sequer a relacionava com a novela, acho que já existia antes dela! Esta, sim! É em ritmo de samba e bem rebolado!

    A segunda, adorei! Não conhecia.
    Melodia linda. No entanto, a novela "Vereda Tropical" não me é de todo desconhecida.
    Aqui o ritmo não é bem o samba tropical, acho que é bom de dançar e nem precisa o rebolar das 'cadeiras'.
    Boas escolhas, Ricardo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Possivelmente existiria antes dela, nem sempre eram músicas compostas para as novelas, muitas delas já existiam antes de.

      A segunda é bem diferente e na altura seria uma composição avançada para a altura, com tonalidades diferentes do habitual.

      Obrigado Janita

      Eliminar
  10. Boa Ricardo ! ... Brindaste-nos em duplicado / duplicado ! :))
    ... e é verdade ! Impossível ouvir sem bater com o pé ! A música (este samba e o samba em geral) puxa por nós e mesmo sem querermos estamos com o corpo todo "no ritmo" ! :))

    E claro que me lembro bem deste saco de feijão e do Astro ! Inesquecível !!! :))

    Corrige-me se estou em erro. Trata-se da mesma Beth Carvalho, em duas fases distintas mas com o mesmo tema !? Como eu me lembro bem daquelas constantes mudanças do  Padrão Monetário - Cruzeiro,  até ao Real (actual) ! rsrs ... Em algumas fases desse tempo era preciso realmente levar um saco de dinheiro para comprar um kilo de feijão ! eheh ... Não sei se ainda se lembram disso !? ... rsrsrs

    Já quanto à Vereda Tropical, lembro-me bem do nome da Novela, mas não tão bem da Marina ! Aqui também em duas versões, mas muito mais semelhantes, não é ?
    Mas curiosamente, senti-me mais embalado pela melodia, que na anterior, bem mais "alegre e mexida" ! :)

    Abraço mais forte que o cruzeiro, ... mais "Real" :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rui

      É propositado a existência de duas versões, da mesma música e do mesmo intérprete. A primeira "estreita" tem sempre a ver com a versão da novela, da altura. A segunda, ao vivo, com uma versão mais actual, onde veremos na maior parte das vezes o intérprete muito mais velho.

      É a Beth Carvalho com uma diferença grande de idade !

      O Juca Chaves numa rábula que eu tenho gravada dizia: "... o cruzeiro agora está custando 4 dolares (parava o seu discurso e dizia uns segundos depois ...) o kilo !!! (risadas na platéia !)

      Obrigado Rui

      Eliminar
  11. Boa tarde, não conheço as vozes nem os temas, confesso que não sou fã da musica brasileira.
    AG

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António estás no teu pleno direito, mas também te posso dizer que existe música brasileira Muito Boa !!!

      Obrigado

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.