A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Duas Aspirinas - Interacção Humorística (XX)

Em 03-08-2009. Obrigado.              
           
Duas aspirinas        
           
Sexta-feira, Manuel chega tarde do trabalho com muito stress, e louco para fazer amor e encontra sua mulher dormindo.
Rapidamente ele pega duas Aspirinas e coloca, com cuidado, na boca dela. Depois de alguns segundos ela engasga-se com os comprimidos e acorda indignada.
- O que você colocou na minha boca, homem de Deus?
- São só duas aspirinas, querida ! – responde-lhe, calmamente.
E ela, grita e diz:
- Mas eu não estou com dor de cabeça !
- Ah, era isso que eu queria escutar...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.