Teus olhos contas escuras, são duas Avé Marias, dum rosário d’amarguras, que eu rezo todos os dias. - Fernando Pessoa

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Vida de Escaravelho (???!!!)

2 comentários:


  1. hehehe
    A vida de um narrador da vida selvagem pode ser até bem difícil...

    :))

    ResponderEliminar
  2. Claro que sim. Mas a de um escaravelho deve ser muito mais mal cheirosa ! :))
    Obrigado

    ResponderEliminar

Eu fiz um Pacto com a minha língua, o Português, língua de Camões, de Pessoa e de Saramago.