A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Humor (VI) – Gato Fedorento – Kunami

7 comentários:

  1. Apre, que nervos!! Eu dava-lhe era com o Kunami nas fuças!!

    O RAP aqui ainda era um menino...:))

    Bom fim de semana, Ricardo!

    ResponderEliminar
  2. Esta rábula do Kunami é excelente e irrita. É sinal que é bem representada !
    O meu Pai dizia-me que no teatro, que vi algum em jovem, com os meus Pais, quando um actor nos irrita é porque está a desempenhar bem o seu papel.

    Obrigado Janita

    ResponderEliminar
  3. hehehe... Bom ! Deu para conhecer uma nova palavra que não existe mesmo ! rsrsrs
    Como dizes , bom, de tanto irritante ! :)))

    Abraço e bfds, Ricardo ! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois exactamente Rui, uma nova palavra ! :))

      Um Abraço

      Eliminar
  4. Não conhecia este sketch... e fiquei a conhecer também 5 novas palavrinhas!
    Que daqui a segundos felizmente me vão esquecer!
    hehehe

    Vai uma frutinha de merenda??
    Beijinhos
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Frutinha bolorenta e podre, muito "docinha"... Farfalhi, Kunami, Funini, Katuki e Maracateko ! :)))

      Obrigado Afrodite

      Eliminar
  5. Já sei ...quando não gostar de uma coisa, vou dizer Kunamiiiiiiiii rsrsrs
    Mais umas boas gargalhadas. Não conhecia este, adorei.
    Mais tarde tenho que ver se acerto no teu desafio.

    Boa semana Ricardo

    ResponderEliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.