Contigo nunca me perco, perdendo-me ! (Ricardo Santos)

domingo, 26 de abril de 2015

Gary Burton – Groups & Soloists of Jazz (XXIV)

(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)

Gary Burton (Anderson, Indiana, EUA, 23-01-1943 – 20xx) – É um vibrafonista de jazz norte-americano.
Burton começou na música aos seis anos, tendo sido um autodidata no estudo da marimbas e do vibrafone. Começou a estudar piano aos dezasseis anos, quando terminou o ensino médio em Princeton, Indiana (56-60). Gary citou o pianista de Jazz, Bill Evans, como principal a sua fonte de inspiração na sua aproximação ao vibrafone.
Burton frequentou o “Berklee College of Music”, em Boston, de 1960 a 1961. Estudou com Herb Pomeroy (trompete) e fez-se amigo do compositor e orquestrador, Michael Gibbs. Depois de começar a sua carreira durante os anos 1960, ele voltou aos quadros da “Berklee College of Music” entre 1971 e 2004, inicialmente, como professor, e de seguida, decano. Finalmente, ocupou o lugar de Vice-presidente executivo, na sua última década neste colégio.
No início de sua carreira, e a pedido do saxofonista de Nashville, Boots Randolph, Gary Burton mudou-se para Nashville e gravou com vários músicos notáveis ​​daquela cidade, incluindo o guitarrista Hank Garland, o pianista Floyd Cramer e o guitarrista Chet Atkins.

O Grande Amor, nos estúdios da KPLU em Seattle.


Chega de Saudade (António Carlos Jobim and Vinícius de Moraes).


Eleanor Rigby, escrita por Paul McCartney, mas créditos à dupla (Lennon, McCartney), na “Jazzwoche Burghausen”, Alemanha, no ano de 2011, e com o pianista Chico Corea.


Bag's Groove, com o “New Gary Burton Quartet”, com Gary Burton (vibrafone), Julian Lage (guitarra), Jorge Roeder (contrabaixo) e Antonio Sanchez (bateria). No “Sava Center” em Belgrado, Sérvia.

17 comentários:

  1. Depois de ver as fotos do encontro de ontem agora venho ouvir boa música.
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro foi um encontro espectacular, com muita amizade, boa disposição.
      Obrigado e um Abraço

      Eliminar
    2. Espreita lá no blogue :))
      Aquele abraço, bfds

      Eliminar
  2. Passei para dizer que gostei muito de conhecer o Ricardo!
    Não resisti e não saí sem ouvir (como diz o Pedro) boa musica.

    Beijinho Ricardo
    Adélia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Adélia obrigado pela tua visita e também gostei imenso de te conhecer. Um agradecimento especial ao Rodrigo que nos levou a um sítio espectacular para almoçar. Foi pena o tempo nos ter dado um pouco de chuva !

      Obrigado, Cumprimentos

      Eliminar
  3. Como sempre a boa música faz-se presente por aqui.
    Bom gosto e óptimas escolhas a que já nos vais habituando.

    Beijinhos Ricardo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Manuela
      Estás no frio ou o tempo por aí está bom ?

      O nosso encontro em Monte Real foi divertidíssimo e finalmente muitos de nós se conheceram no mundo real, Face to face ! Muito bom !!!

      Obrigado pelo comentário

      Eliminar
  4. Muito bom o Bag's Groove!
    Boa semana :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bag's Groove é uma composição do vibrafonista Milt Jackson. Bag's era o "nickname" de Milt. Esta composição tem algumas versões, Miles Davis, Modern Jazz Quartet onde tocava Milt Jackson.

      Obrigado M.

      Eliminar
  5. Boa noite Ricardo!
    para te deixar os meus parabéns pelas belas fotos do encontro :)
    tive pena, não foi possível estar presente, espero que o acontecimento se venha a repetir noutra altura :)
    abraços, e que viva a música !
    Angela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ângela se fizermos o próximo daqui a uns tempos em Lisboa, conto contigo !
      As fotos estão normalíssimas !

      Obrigado

      Eliminar
  6. Lamntei muito essa oportunidade de conhece-lo,de perto.As fotos ajudam e o encontrei e reconheci-o,entre eles.
    Música de boa qualidade e _ 'Chega de saudade', não é? linda e verdadeira.
    Obrigada pela excelência nas postagens e textos.
    E, para um proximo encontro conte comigo!! :_))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lis ultimamente sempre que ponho música, lembro-me de ti e se encontro alguma composição originalmente brasileira, faço questão de a pôr.

      Espero connhecer-te no próximo em Lisboa. Se eu for um dos organizadores quero marcar a data com muita antecedência, para que as pessoas mais distantes possam organizar a sua vida e virem ao Encontro !

      Obrigado pelas tuas simpáticas palavras !
      PS: O teu conterrâneo e o acompanhante são 10 estrelas !!!

      Eliminar
  7. Ricardoamigo :)
    Há momentos inesquecíveis e músicas que são eternas.
    Todas são belas mas "Chega de Saudade" é para mim muito especial.

    beijinho


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade Fê, esta versão instrumental é Muito Boa !

      Obrigado

      Eliminar
  8. Ricardamigo

    Dar-te um abraço real foi um camião de felicidade para mim. E também para a Raquel. Encontro de família que de virtual passou a real: magnífico. Boa gente, bué da fixe, como aprendi com os meus netos

    Muito obrigado pelas fotos que já utilizei na nossa Travessa: Apenas um ligeiro reparo: podias ter-me fotografado menos... gordo :-) :-) :-)

    Abç

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Henrique gostei imenso de te conhecer, bem como à tua linda esposa. Olha vou ver se arranjo umas lentes, daquelas estilo espelhos da Feira Popular. Alguns deixavam-nos com um ar bem fino. Muitas vezes as mulheres se usassem carrapito, pareciam a Olívia Palito !

      Obrigado e um Abraço

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.