Contigo nunca me perco, perdendo-me ! (Ricardo Santos)

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Jazz Standards (CXXIX)

(Dados Biográficos In Wikipédia e In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)

(Sobre o tema em questão, algumas palavras retiradas de “in
http://www.jazzstandards.com/compositions/index.htm” - adaptação e tradução por Ricardo Santos)

But Beautiful (#133) - Música de Jimmy Van Heusen e Letra de Johnny Burke
Bing Crosby estreou a composição "But Beautiful" no filme "Road to Rio", o quinto que ele fez com Bob Hope e Dorothy Lamour. “Road to Rio” “meteu no bolso”, comercialmente, todos os outros filmes de 1948 e também estreou, pela primeira vez, as composições "You Don’t Have to Know the Language" e "Experience". O compositor Jimmy Van Heusen e o letrista Johnny Burke trabalharam e colaboraram por mais de uma dúzia de anos, produzindo dezenas de sucessos e músicas premiadas.

"But Beautiful" esteve em tabela de vendas quatro vezes, com:

Frank Sinatra (1948, quatro semanas, Nº. 14);
Bing Crosby (1948, Orquestra Jovem Victor, 3 semanas, Nº. 20);
Margaret Whiting (1948, Orquestra DeVol Frank, 2 semanas, Nº. 21);
Art Lund (1948, Orquestra Johnny Thompson, 1 semana, Nº. 25).

Bing Crosby (Tacoma, Washington, EUA, 03-05-1903 — Madrid, Espanha, 14-11-1977) - Bing Crosby canta este lina balada a Dorothy Lamour, na cena do filme “Road to Rio”, de 1947.


Bill Evans (Plainfield, EUA, 16-08-1929 — New York, EUA, 15-09-1980) – O icónico e exuberante pianista norte-americano Bill Evans, 7 meses e meio, antes da sua trágica morte. Aqui video, no Iowa, EUA, em 30 Janeiro de 1979. Acompanham-no o seu dueto preferido, o contrabaixista Marc Johnson e o baterista Joe La Barbera


Lady Gaga (Manhattan, New York, EUA, 28-03-1986 - 20xx) e Tony Bennett (Queens, New York, EUA, 03-08-1926 - 20xx) – Video de estúdio.


Grant Green (St. Louis, Missouri, EUA, 06-01-1935 - New York City, EUA, 31-01-1979) – com Grant Green (guitarra), Jimmy Forrest (saxophone tenor), Harold Mabern (piano), Gene Ramey (contrabaixo) e Elvin Jones (bateria). Em New York, Dezembro de 1959.


Letra

Love is funny, or it's sad
Or it's quiet, or it's mad
It's a good thing or it's bad
But beautiful
Beautiful to take a chance
And if you fall, you fall
And I'm thinking
I wouldn't mind at all
Love is tearful or it's gay
It's a problem or it's play
It's a heartache either way
But beautiful
And I'm thinking if you were mine
I'd never let you go
And that would be
But beautiful I know
But beautiful
And I'm thinking if you were mine
I'd never let you go
And that would be
But beautiful I know

Lamento, algumas eventuais falhas nas letras, encontradas na Internet, devido à própria improvisação dada pelos seus intérpretes, e muitas vezes de difícil entendimento. (Ricardo Santos)

10 comentários:

  1. ~ Bem disse Placido Domingo quando afirmou que lady Gaga cantava muito bem.
    ~ Esperemos que saiba evoluir...

    ~ ~ Um belo tema, sempre atual. ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ela é uma boa intérprete de canções sim.
      Obrigado Majo

      Eliminar
  2. Quem diria que haveria uma música com a doida da Gaga que eu iria gostar??!!
    Aquele abraço, votos de BOM ANO

    ResponderEliminar
  3. Pedro existem muitos intérpretes de Pop e alguns de Rock a interpretarem "standards" de Jazz. Infelizmente, não encontramos é muita rádio ou televisão a passar excelente género musical.
    Um abraço e Bom Ano, também para ti e para os Teus.

    ResponderEliminar
  4. Gosto sempre das interpretações mais antigas... Não devo ser deste tempo. :)
    Bom Ano, Ricardo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu professor do Liceu de Português e Latim, dizia, também, que eu não era desta época ! :)... no entanto, apesar de gostar de Jazz vocal, também mas gosto muito de Jazz instrumental.
      Bom Ano para ti e para os Teus, Luísa

      Eliminar
  5. Percebo nada de jazz, mas gosto de ouvir. Tendo um tempinho, vou começar a estudar jazz por aqui :)
    Beijinhos, bom sábado e feliz ano novo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Prometo ficar mais atento à tua culinária se vieres aqui ouvir Jazz ! :)))
      Obrigado M

      Eliminar
  6. Que grandes "nomes", ... que grandes vozes, Ricardo ! ... Só não me lembro do Grant Green ! :((

    Um Grande Abraço e Um Ano de 2015 Fantástico !
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sou sincero, também não conheço todos, como é óbvio. Nem nunca poderei ter essa veleidade. Escolho versões cantadas e tocadas para sensibilizar as pessoas a ouvirem, também, instrumental. Em vez de voz, temos um ou mais instrumentos que o fazem, com a sua voz de metal, de madeira, ou de cordas !
      Obrigado Rui

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.