A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Feliz Natal para todos os que me seguem e me visitam ...

13 comentários:

  1. Respostas
    1. Nós verdinhos tenhamos esperança :)
      Eu quero fazer a festa e voltar a pôr o meu cachecol antes de 2020 !
      Obrigado Maria e retribuo !

      Eliminar

  2. Obrigada Ricardo.


    Nesta quadra festiva venho uma vez mais desejar um

    ……………¨♥*✫♥,
    ………,•✯´………´*✫
    …….♥*……………. __/\__
    .….*♥…………….....*-:¦:-*..
    …¸.•✫…....… FELIZ NATAL...
    ...*♥...........................¨♥*✫♥.......
    .,•✯´................................,•✯´........
    •♥............................Muitos beijinhos
    ✯...................................Afrodite (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caramba, dá direito a um arco e tudo ! Parece o da Rua Augusta.
      Muito Obrigado Afrodite !

      Eliminar
  3. * * * * * * * * * * * * ÓTIMAS FESTAS, RICARDO. * * * * * * * * * * * *

    - Para ti e toda a tua família. -

    - Gostei da escolha musical. -

    - - - - Cordial abraço - - - -

    ResponderEliminar
  4. Na impossibilidade de dirigir a cada amiga/o uma mensagem de Natal personalizada, escrevi umas palavras muito simples mas bem significativas do meu sentir:

    “Neste Natal gostaria de trazer-te:
    O verde da árvore – a cor da Esperança;
    E, das bolas coloridas:
    - O vermelho – a cor do meu Amor fraterno;
    - O azul – a cor da suavidade dos Anjos;
    - O dourado – a cor da prosperidade que te desejo;
    - O roxo – a tristeza que sinto quando não te vejo;
    - O branco – A Paz que quero para a tua vida.
    No tanger dos sinos ouve a minha voz pedindo protecção para ti e toda a tua família.
    Seja onde for que te encontres deixa-me ser um pouco do teu Natal.
    Mas… acima de tudo, desejo que, na tua noite de Natal, o “Menino” não tenha que perguntar:
    - Então e eu? - (V. minha postagem de 27/12/2009 – NATAL DE QUEM?)

    Mil beijos natalícios
    Mariazita
    (Link para o meu blog principal)

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde,
    É sempre muito agradável ouvir o grande Zeca.
    Abraço
    ag

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Zeca é para ouvir quando em vez, para não nos esquecermos do ser humano que ele era.

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.