Contigo nunca me perco, perdendo-me ! (Ricardo Santos)

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Diário Metro de hoje, uma pedrada no charco

Precisamos, principalmente, de nos rirmos e o diário “Metro” de hoje traz uma sobrecapa muito interessante, pela sua originalidade, e principal e obviamente, pela comicidade nela impressa. Várias notícias, perfeitamente a tocar o surrealismo, com histórias de curiosidades do lugar de “Curral das Moinas”.

Achei delicioso, porque me conseguiram fazer rir. Não é que seja difícil consegui-lo, mas notícias interessantes como estas são raras. O panorama jornalístico e dos principais “media” portugueses e mundiais preocupam-se hoje, com “lavagens cerebrais” dos seus leitores, e com a venda das notícias, absolutamente mais nada. Acredito que a maioria dessas notícias, vindas de todos os quadrantes, sejam maioritariamente, “fabricadas”, só assim se conseguem manobrar as massas, que somos nós todos.

Alguém dizia no século passado que quem domina-se no futuro a comunicação dominaria facilmente o Mundo. É só assistirmos aos jornais, às palestras, aos debates, etc.. Ainda bem que eu gosto de ouvir música, ler e ver cinema!     
           
Aqui fica o frontispício do “Metro” de hoje, ampliem-na e divirtam-se…  


8 comentários:


  1. Muito bom, muito bom, muito bom!!!
    :))))

    (aquele golo no intervalo lavou a honra do Desportivo de Curral de Moinas... hehehehe)


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deste tipo de notícias que nos fazem rir e que nos fazem mover em frente, de cara alegre, é aquilo que nós precisamos !
      Obrigado Afrodite

      Eliminar
  2. Bom, essa "lavagem cerebral" não é de agora, já Hitler conhecia bem o poder dos media, daí ter um ministro exclusivamente para a propaganda...

    Mas concordo contigo: ainda bem que há o cinema, a literatura, a música... :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso que dizes é verdade e infelizmente não é só apanágio dos ditadores, é pior sofrer esta lavagem em "pretensas" democracias.
      Obrigado Teresa

      Eliminar
  3. Olá, boa tarde
    Tenho andado para aqui à deriva, pára aqui pára ali... ali que descansei aqui um pouco.
    Gostei! Gostei do espaço. Há aqui muita informação interessante.
    É verdade que a informação que nos chega pelos meios normais de comunicação tem que ser muito bem filtrada (haja quem consiga separa o trigo do joio...). Talvez por isso cada vez vejo menos TV, e ler jornais... nada!
    Chegam-me todas as notícias que recebo diariamente por email... :)

    Vou me fazer seguidora e voltar sempre que possível.
    Até lá, que tudo corra sem atropelos de maior.
    Beijinhos
    Mariazita
    (Link para o meu blog principal)
    PS - Também não sigo p (des)acordo ortográfico!!!

    ResponderEliminar
  4. Olá,
    O curral de Moinas divertidamente é sincero e conta-nos o que a grande comunicação social muitos das vezes evita ou escreve para um publico selectivo e não para o povo, tudo é construído com técnicas pela comunicação social para que as nossas mentes sejam telecomandadas após absorvermos que eles escrevem, a péssima jornalista Moura Guedes até conseguiu telecomandar a mente do povo por algum tempo, para concluir, "o povo necessita dos jornais como Curral de Moinas".
    Abraço
    ag

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Precisamos basicamente pensar antes de consumir, ou pura e simplesmente não consumir. Leitura, música, fotografia, pintura, escultura, desenho, são algumas das artes que nos podemos dedicar a.
      Obrigado AG

      Eliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.