Contigo nunca me perco, perdendo-me ! (Ricardo Santos)

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Gira-Discos (XXXVIII)


(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)        
                      
Santos & Pecadores (1987 – 20xx) – É um grupo português que adoptou um estilo musical com base no “Rock” mas fazendo fusão com o soul e funky. O início da banda remonta ao ano de 1987 e a uma garagem em Cascais. Os elementos da banda são Olavo Bilac (voz), Pedro Cunha (bateria), Pascoal Simões (teclas), Artur Santos (baixo) e Rui Martins (metais). Pedro Almeida (guitarra) entrou para a banda em 1992. O primeiro álbum da banda foi “Onde Estás?”, editado este em 1995. O disco contou com a participação do músico Rui Fadigas e da apresentadora Catarina Furtado. O disco foi um grande sucesso graças à balada "Não voltarei a ser fiel".
O disco “Love?” foi produzido por Carlos Maria Trindade.
1997 é o ano de “Tu”, disco gravado ao vivo no “Paradise Garage” com participação de Marta Dias, Kika Santos e Paulo Gonzo.
O álbum “Voar” é editado em 1999.
Em 2001 lançaram “Horas de Prazer”.
A compilação “Os Primeiros 10 Anos” foi editada em 2003, com três temas inéditos: "Ondas", "Um Por Todos" e "Perdas".
Depois de uma pausa o grupo regressou em 2006 com o álbum “Acção-Reacção”.
Em 2008 disponibilizaram para "download" na página oficial o disco “Livre Trânsito” com novas versões dos seus maiores sucessos. Dez temas gravados ao vivo e em formato acústico.
Em 2009, à meia-noite de 16 de Fevereiro, uma segunda-feira, foi lançado mais um álbum de nome “Caixa dos Segredos”, uma compilação com dois inéditos ("Caixa dos Segredos" e "Perdido Estou"). Em edição simultânea, para além do CD, um DVD com documentário, uma galeria de fotos, um concerto acústico e vários vídeos.
Em 2010 regressaram com novo álbum de originais, “Energia”.           
                  
"Fala-me de Amor”, do álbum “Voar” de 1999.           
             
           
                   
"Não Voltarei a Ser Fiel”, do álbum “Onde Estás” de 1995.           
                 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.