A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

domingo, 13 de maio de 2012

Gira-Discos (XXVIII)

(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)        
              
The Yardbirds (1963 – 1968) – Foi uma das mais importantes bandas de “Blues Rock” da Inglaterra nos anos 60. Além da qualidade do seu trabalho, ficou famosa por ter tido três dos melhores guitarristas de todos os tempos, na sua formação, sucessivamente, Eric Clapton, Jeff Beck e Jimmy Page. O grupo surgiu em Londres em 1963, mas só se tornou conhecido quando Clapton entrou para a banda.
Nessa época, segundo o próprio Eric Clapton, eram cinco os integrantes que compunham o grupo, Keith Relf (vocais e harmónica), Chris Dreja (guitarra), Paul Samwell Smith (baixo) e Jim McCarty (bateria).
Fazendo “covers” dos “Blues” de Chicago, mas também investindo num estilo próprio, os “Yardbirds” chegaram às tabelas britânicas com a canção "For your love" (1964), que apostava num estilo mais “Pop”. Isto desagradava a Eric Clapton, na época um purista dos “Blues”, e que o fez acabar por deixar a banda. Para o seu lugar entrou Jeff Beck, que levou o grupo para o “Psicadélico” e em 1966, Jimmy Page foi convidado para entrar no grupo. Pouco depois, Beck saiu e Page assumiu a liderança do conjunto. A síntese "Blues Rock" de 1965-1966 chamou a atenção da crítica, no entanto, não conseguiram grande sucesso comercial.
As divergências sobre que rumos a banda deveria tomar ocasionaram o seu fim. Jimmy Page ainda formaria em 1968 os “New Yardbirds”, banda que, mais tarde, mudaria o seu nome para “Led Zeppelin”.         
              
For Your Love”, de 1964.       
             
            
             
For your love
For your love
For your love
I'd give you everything and more and that's for sure
For your love
I'd bring you diamond rings and things right to your door
For your love
To thrill you with delight, I'd bring you diamonds bright
Double takes I will excite, to make you dream of me at night
For your love
For your love
For your love
For your love, for your love
I would give the stars above
For your love, for your love
I would give you all I could
For your love
For your love
For your love
I'd give the moon if it were mine to give
For your love
I'd give the stars and the sun for I live
For your love
To thrill you with delight, I'd bring you diamonds bright
Double takes I will excite, to make you dream of me at night
For your love
For your love
For your love         
             
Train Kept A Rollin'”, de 1965.     
              

Sem comentários:

Enviar um comentário

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.