Contigo nunca me perco, perdendo-me ! (Ricardo Santos)

domingo, 27 de maio de 2012

Consciência de pássaro - Interacção Humorística (LXIX)

Em 26-08-2010. Obrigado.          
              
Consciência de pássaro            
                
Motociclista a 140 km/h numa estrada. De repente vê um passarinho e não consegue esquivar-se: … PÁÁ !!!           
          
Pelo retrovisor, o cara ainda viu o bichinho dando várias piruetas no asfalto até ficar estendido. Voltou para o socorrer. O passarinho estava lá, inconsciente, quase morto. 
Era tal a angústia do motociclista, que recolheu a pequena ave e levou-a, nesse mesmo dia, ao veterinário. Foi tratada e medicada. Comprou uma gaiola pequena e levou o pássaro para casa, tendo o cuidado de deixar um pouco de pão e água para o acidentado.     
        
No dia seguinte, o passarinho recupera a consciência. Ao despertar, vendo-se preso, cercado por grades, com o pedaço de pão e a vasilha de água no canto, o bicho põe as asas na cabeça e grita:       
            
PUTA QUE PARIU ! MATEI O MOTOCICLISTA !

Sem comentários:

Enviar um comentário

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.