Contigo nunca me perco, perdendo-me ! (Ricardo Santos)

sábado, 3 de março de 2012

“Filho de peixe” sabe nadar (II)

Maria Rita é um artista que tem construído a sua obra por si, embora sendo filha de Elis Regina, a Pimentinha. Não façamos comparações, não é justo, são duas Excelentes intérpretes da MPB, infelizmente uma delas desaparecida fisicamente de entre nós.    
                    
(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)                 
                      
Um obrigado especial à minha filha !                  
                          
Maria Rita Costa Camargo Mariano (São Paulo, Brasil, 09-09-1977 – 20xx) - É uma cantora e produtora musical brasileira, filha da cantora Elis Regina e do pianista e orquestrador César Camargo Mariano.      
                 
Excerto e no sítio oficial da cantora (biografia), http://www.maria-rita.com/blog/ 
                 
Maria Rita começou a cantar profissionalmente aos 24 anos. Agora, com 33, não acha que foi tarde. “Você se achar no mundo é uma tarefa muito difícil”, diz a jovem que se formou em comunicação social e estudos latino-americanos nos EUA. Filha de Elis Regina e César Camargo Mariano, de tanto dizerem que ela precisava cantar, Maria Rita resistiu durante algum tempo. “Encaro a vida como um grande processo feito de vários pequenos processos no caminho. Sempre quis cantar. Mas a questão não era querer. Era por quê. Não gosto de fazer nada sem ter um porquê. Fica mais fácil quando você tem um objectivo, uma meta. O motivo passou a existir quando percebi que ficaria louca se não cantasse”, afirma.
Após escolher a hora certa, ela não pode queixar-se dos resultados que alcançou. Aliás, ninguém pode reclamar dos resultados alcançados por Maria Rita. Antes mesmo de lançar um CD foi a vencedora do Prémio APCA de 2002 como Revelação do ano.
O seu primeiro disco, “Maria Rita”, lançado em Setembro de 2003, vendeu mais de 1 milhão de cópias em todo o mundo. O primeiro DVD, que traz o mesmo título e foi para as lojas na primeira semana de Novembro daquele ano, chegou à marca de 180 mil cópias. Ambos foram lançados em mais de 30 países, incluindo Alemanha, Argentina, Áustria, Bélgica, Canadá, Chile, Colômbia, Dinamarca, Equador, Finlândia, França, Inglaterra, Itália, Japão, Coreia, República Checa, México, Holanda, Noruega, Portugal, Suécia, Suíça, Taiwan e Venezuela. Os números referentes à jovem cantora são sempre impressionantes. Maria Rita alcançou, no Brasil (um mercado tido como em crise, ameaçado pela pirataria), Disco de Platina Triplo e DVD de Diamante; em Portugal, CD de Platina. Também, pudera… Foram 160 espectáculos completamente esgotados ao longo de 18 meses.             
                   
Essa Mulher, de Joyce e AnaTerra, lançado em 1977, no álbum do mesmo nome pela mãe, Elis Regina. Trecho do Especial de Elis Regina exibido pela Rede Globo "Por Toda A Minha Vida".           
                 
               
                     
Menina da Lua, Renato Motha e Patricia Lobato. Do seu primeiro álbum “Maria Rita” (2003).           
                  
                        
                  
Veja Bem, Meu Bem, de Marelo Camelo. Do seu primeiro álbum “Maria Rita” (2003).                  
                 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.