A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

sábado, 7 de janeiro de 2012

Jazz Standards (XLIV)

(Dados Biográficos In Wikipédia e/ou In AllMusic.Com - Todos os excertos das biografias foram adaptados e algumas vezes traduzidos por Ricardo Santos)           
              
(Sobre o tema em questão, algumas palavras retiradas de “in
http://www.jazzstandards.com/compositions/index.htm” - adaptação e tradução por Ricardo Santos)         
                 
Things Ain't What They Used to Be (#92) - Música de Mercer Ellington e Letra de Ted Persons 
Em 1941, Duke Ellington foi tocar na “Casa Manana” em Los Angeles. Devido à greve da “ASCAP” (American Society of Composers, Authors and Publishers) não podia colocar no ar as suas composições, então ele pediu a colaboração do seu filho, Mercer, e de Billy Strayhorn, nenhum dos quais pertenciam a ASCAP. A greve acabou por ser uma grande oportunidade para ambos, Strayhorn e o mais jovem dos Ellington, durante esse tempo Strayhorn escreveu canções, como "Take the Train 'A'", "Johnny Come Lately", "Chelsea Bridge", "Day Dream", e "After All". Mercer escreveu, entre outros, "Things Ain't What They Used to Be", "Blue Serge" e "Mist Moon."
 Originalmente é uma composição de “Blues” lenta, "Things Ain't What They Used to Be" é mais frequentemente tocada como um instrumental, às vezes com um ritmo maior e, ocasionalmente, como uma vocalização com letra de Ted Persons.             
               
Steve Gadd (Irondequoit, New York, EUA, 09-04-1945 - 20xx) – Em 1985, para o “Jazz in Concert", com Steve Gadd (bateria), Eddie Gomez (contrabaixo), George Young (saxofone), Warren Bernhard (piano) e Ack Van Rooyen (trompete).           
         
           
              
Duke Ellington (Washington, EUA, 29-04-1899 — New York, EUA, 24-05-1974) orchestra – Em 9 de Janeiro de 1963, New York. Nos trompetes Ray Nance, Shorty Baker, Cat Anderson, Bill Berry, Ed Mullens; nos trombones Lawrence Brown, Leon Cox, Chuck Connors, nos saxofone alto Russell Procope e Johnny Hodges; Paul Gonsalves (saxofone tenor), Jimmy Hamilton (clarinete e saxofone tenor), Harry Carney (saxofone barítono), Duke Ellington (piano), Aaron Bell (contrabaixo) e Sam Woodyard (bateria).           
           
         
               
David Brubeck (Concord, California, EUA, 06-12-1920 - 20xx) – Com Dave Brubeck (piano), Gerry Mulligan (saxofone baritono), Jack Six (contrabaixo) e Alan Dawson (bateria).            
              
            
                    
Woody Herman (Milwaukee, Wisconsin, EUA, 16-05-1913 – 29-10-1987) orchestra (excerto) – Em 1985. Com Mike Brignola (saxofone) e Roger Ingram (trompete).              
                 

1 comentário:

  1. Aqui não tenho dúvidas, prefiro a 2ª versão... é mais "macia" lol

    ResponderEliminar

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.