A paixão nua e cega dos estios, Atravessou a minha vida como rios

Sophia de Mello Breyner Andresen, A Paixão Nua, in “O Nome das Coisas”.

sábado, 1 de outubro de 2011

Gira-Discos (XII)

The Monkees (1965 – 20xx) - Foi um grupo “Pop” norte-americano, formado por David Jones (voz e percussão), Micky Dolenz (voz e bateria), Peter Tork (baixo, teclado e voz) e Mike Nesmith (voz e guitarra).
O grupo foi criado em 1965 pela rede americana NBC para rivalizar com o grupo inglês “The Beatles”. Para escolher as futuras estrelas, os produtores colocaram no jornal um anúncio pedindo "quatro jovens loucos entre 17 e 21 anos de idade", o que resultou no aparecimento de 437 candidatos. Tiveram uma série de TV entre 1966 e 1968 e um longa-metragem para cinema chamada “Head”. Bert Schneider e Bob Rafelson queriam criar uma série de televisão com quarto jovens músicos em 1965 e eles precisavam de quatro perfis diferentes: Mike Nesmith, um músico ligado em “Country/Folk” e excelente compositor, Peter Tork, o homem dos mil instrumentos; Micky Dolenz, um jovem actor/cantor que quando criança, tinha participado numa série para a TV, chamada "O Menino do Circo". O quarto “Monkee”, Davy Jones, já tinha sido contratado pelo estúdio um pouco antes, quando o grupo de teatro com o qual tinha vindo para os EUA se apresentou na Broadway, com a peça "Oliver". Mas, mesmo assim, ele participou dos testes.                 
                     
I’m A Believer” de 1966. O “video clip” official.               
                     
                
                        
I thought love was only true in fairy tales
Meant for someone else but not for me
Oh, love was out to get me
That's the way it seems
Disappointment haunted all my dreams
Then I saw her face
Now I'm a believer
Not a trace
Of doubt in my mind
I'm in love
I'm a believer
I couldn't leave her if I tried
I thought love was more or less a given thing
Seems the more I gave the less I got
Oh, what's the use in trying
All you get is pain
When I needed sunshine I got rain
Then I saw her face
Now I'm a believer
Not a trace
Of doubt in my mind
I'm in love
I'm a believer
I couldn't leave her if I tried
Oh, love was out to get me
That's the way it seems
Disappointment haunted all my dreams
Then I saw her face
Now I'm a believer
Not a trace
Of doubt in my mind
I'm in love
I'm a believer
I couldn't leave her if I tried
Yes, I saw her face
Now I'm a believer
No not a trace
Of doubt in my mind
Said I'm a believer
Yeah
I'm a believer
Said I'm a believer, yeah
I'm a believer
Said I'm a believer, yeah
I'm a believer              
                 
A Little Bit Me, A Little Bit You” de 1967. Extraido do episódio 31 de “Monkees At The Movies”.           
               

Sem comentários:

Enviar um comentário

Eu fiz um Pacto com a minha Língua, o Português, língua de Camões e de Pessoa.